BR-X TURISMO
gallery/logo - nova

Trindade (GO)

Conheça sobre o pacote de viagem para Trindade (GO)

gallery/santuario_novo-01

...

DATA E VALOR:

EMBARQUE EM BELO HORIZONTE / MG:

26/07 a 30/07/2018 - R$450,00

26/07 (quinta-feira) - saída às 17h nos pontos de embarque informados abaixo.

27/07 (sexta-feira) - chegada em Trindade (GO) - almoço e janta
28/07 (sábado) - café, almoço e jantar
29/07 (domingo) - café, almoço, jantar
30/07 (segunda-feira) - retorna após o café da manhã.
Hotel Matriz: Rua Bacharel Valdir José das Neves, 70 - Centro, Trindade - GO

 

Pontos de embarque: av. Afonso Pena, 1212 (Correios), às 17h e Av. Babita Camargos, 650, às 17:30h

 

Agora conheça um pouco de Trindade (GO)

 

Localizada no centro de Goiás, Trindade surgiu do extinto município de Campinas que, em 1909, tinha como distrito Barro Preto. Após a sua fragmentação, em 1920, muda-se de nome em homenagem à história dos garimpeiros Ana Rosa e Constantino Xavier, casal que encontrou uma medalha com a ilustração do Divino Pai Eterno, na mesma região em que se situa, atualmente, o Santuário Basílica.

Barro Preto fora o primeiro nome do local. Anos mais tarde, com a forte influência da devoção ao Divino Pai Eterno, formou se um arraial, que em 1909, foi elevando a condição de distrito, passando a se chamar Trindade, pertencente ao Município de Campinas - GO.

Em 1920, o distrito assume a condição de Vila Velha e se desmembra do município de Campinas, que logo seria incorporado ao município da recém criada Goiânia.

Sete anos depois, em 1927, Trindade é elevada à categoria de município do estado de Goiás.

 

O Divino Pai Eterno

 

O Divino Pai Eterno, de acordo com a fé cristã Católica é uma concepção ao Deus Pai e sua devoção começou em 1840, quando o casal de lavradores Constantino Xavier Maria e Ana Rosa Xavier encontraram às margens o córrego do Barro Preto, um medalhão com a Representação da Santíssima Trindade coroando a Virgem Maria nos céus.

O Medalhão:

A devoção ao Divino Pai Eterno teve início por volta de 1840, com o casal de agricultores Constantino Xavier Maria e Ana Rosa de Oliveira, que vieram se estabelecer nas proximidades do Córrego do Barro Preto, distante aproximadamente vinte e dois quilômetros do município de Campininhas das Flores.

Constantino, um homem muito religioso e neste ponto apoiado pela esposa, começou a trabalhar na terra para plantação. Certo dia enquanto lidavam no campo, a enxada tocou em algo rígido que não era pedra. Ao conferir, notaram ser um medalhão belíssimo de barro, com tamanho em torno de meio palmo de circunferência onde estava representada a Santíssima Trindade coroando a Virgem Maria. Eles beijaram o medalhão sagrado e levaram-no para casa. Constantino e seus familiares começaram a rezar diante do medalhão encontrado, a notícia se espalhou e aos poucos outros moradores locais passaram a rezar junto à Santíssima Trindade.

Primeira Capela:

Em meados do século XIX foi construído o Santuário do Divino Pai Eterno. Em 1848 foi construída, coberta de folhas de buriti, a primeira capela. Com o aumento dos fiéis foi necessário a construção de uma capela maior, que foi construída às margens do Córrego Barro Preto. Uma terceira capela foi erguida em 1876. O primeiro Santuário do Divino Pai Eterno foi inaugurado no ano de 1912. Este foi o primeiro Santuário que passou a ser mais conhecido como Santuário Velho, e que atualmente é a Paróquia Matriz de Trindade.

A Imagem:

Constantino encomenda ao artista plástico Veiga Valle, que morava na cidade de Pirenópolis - GO, que retocasse o medalhão, mas este fez uma réplica em madeira. Constantino não tinha dinheiro suficiente para pagar por aquele trabalho, então deu o dinheiro que possuía e seu cavalo como pagamento. Como não tinha outro meio para regressar à Vila do Barro Preto, retornou caminhando num trajeto de mais de 100 km. A imagem feita pelo famoso artista pode ser vista hoje onde é situado o Santuário Velho. A confecção da imagem a partir do medalhão não alterou a fé dos devotos e nem diminuíram os milagres e graças por eles recebidas.

Significado da Imagem:

A representação artística das três pessoas divinas, Pai, Filho e Espírito Santo se caracterizam pela imagem do Pai, mais velho, Deus Pai; do Filho mais jovem, Jesus e do Espírito Santo, em forma de pomba, como é narrado no Evangelho, coroando Maria Santíssima, mãe de Jesus, a primeira que acolheu o chamado de Deus Pai, a conceber do Espírito Santo, Jesus. E isto faz de Maria a primeira cristã, ou seja, em Maria todos os homens que acolhem Jesus em seus corações são cristãos. A proximidade entre as pessoas divinas lembra a sua unidade: Três Figuras, a Trindade; Deus, Uno e Trino.

Santuário do Divino Pai Eterno:

Santuário Velho - Trindade - Goiás

O primeiro Santuário do Divino Pai Eterno foi inaugurado em 1912, passando a ser conhecido como Santuário Velho e é a atual Igreja Matriz da cidade de Trindade - GO.

Santuário Novo:

Para marcar o centenário da Romaria de Trindade, em 1943, o então arcebispo D. Emanuel Gomes de Oliveira, na época arcebispo de Goiás, fez o lançamento da pedra fundamental do atual Santuário Novo. Em 1957 foi apresentado um projeto para a construção do Santuário. Em 1974 começou a realização da novena e festa do Divino Pai Eterno no local.

Somente em 1994 iniciou-se a fase final do prédio e, com ajuda dos romeiros e devotos, a obra foi totalmente concluída.

A praça em torno do Santuário foi totalmente revitalizada, e uma grande rampa foi construída para facilitar o acesso de pessoas com necessidades especiais e automóveis até a entrada principal do templo.

Sacrossanta Basílica do Divino Pai Eterno:

Basílica do Divino Pai Eterno

Devido ao aumento do número de fiéis, e pela importância da figura do Divino Pai Eterno na vida religiosa do estado de Goiás e do Brasil, a Arquidiocese de Goiânia enviou um pedido a Congregação do Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos para que o, até então Santuário do Divino Pai Eterno, fosse elevada à categoria de Basílica Menor.

Em 4 de abril de 2006, o Papa Bento XVI concedeu este título ao Santuário e em 18 de novembro de 2006 deu-se a instalação da Sacrossanta Basílica, sendo a única Basílica no Mundo dedicada a Deus Pai, em outras palavras, ao Divino Pai Eterno.

 

Os horários das missas na Basílica são:

Segunda a sexta: 7h e 19h30;

Sábado: 7h e 17h30;

Domingo: 6h, 8h, 10h, 15h e 17h30

(31) 3244-0524

(31) 9.9932-0524 e 9.9410-0548

Assista um pouco sobre a história do Divino Pai Eterno.

...

Clique no número e envie uma mensagem:

(31) 994100548 ou (31) 999320524

A sua operadora.